Pular para o conteúdo principal

Wagner Borges - Amparadores, virtude e luz.


Além das aparências, além dos meros portais interplanos, os amparadores espirituais* estão agindo em nome do Alto. Em seus trabalhos assistenciais, resgatam os espíritos perdidos nas trevas conscienciais e todos aqueles que estão enredados nas malhas do sofrimento.

Usando sofisticados aparelhos extrafísicos, preparados para essa finalidade, eles transportam os sofredores dos planos densos para as estações de tratamento espiritual adequadas, situadas nos climas extrafísicos mais amenos.

Nesses ambientes salutares, ocorre a maravilha da assistência espiritual, onde os doentes conscienciais são submetidos aos "banhos de luz" que restauram suas energias e corrigem os desequilíbrios de suas vibrações.

Os amparadores que operam nessas estações do bem são exímios manipuladores de energia e profundos conhecedores da estrutura do corpo espiritual**. São silenciosos, sutis, educados e muito conscientes da tarefa que lhes cabe. Tratam os pacientes com respeito e atenção, pois consideram que todos são dignos de receber a luz que cura os distúrbios da alma.

Elevam a mente ao Alto, de onde haurem a inspiração e a força sutil que lhes norteia o trabalho. Enquanto curam com a luz, repetem silenciosamente a palavra "VIRTUDE" em seus centros frontais.

Essa é a palavra-chave que eles evocam em suas conexões mentais com os planos sutis - e também que utilizam para a evocação de seus próprios potenciais extrafísicos.

Fazem isso agradecendo ao Todo*** pela oportunidade do serviço luminoso.

A esses amparadores das luzes da cura, a nossa admiração e nosso profundo respeito. E que sua dedicação e Amor possam inspirar todas as pessoas, na Terra e nos planos extrafísicos, a também evocarem a VIRTUDE e a LUZ que restauram as mentes, as emoções, os corpos e as energias.

P.S.:
Este texto foi escrito após eu haver observado pela clarividência um trabalho de assistência extrafísica efetuado pelos amparadores hindus da Fraternidade da Cruz e do Triângulo. Eles estavam numa espécie de nave extrafísica (muito grande, feita de energia e lembrando a configuração de uma nave espacial circular), de onde eles abriam portais interplanos - semelhantes a grandes círculos luminosos no ar -, para transferir os espíritos dos níveis densos para as estações extrafísicas.

- Wagner Borges - mestre de nada e discípulo de coisa alguma.
(Texto extraído do livro "Viagem Espiritual - Vol. III" - Editora Universalista - 1998.)

- Notas:
* Amparador extrafísico - entidade extrafísica e positiva que ajuda o projetor nas suas experiências extracorpóreas; mentor extrafísico; mestre extrafísico; companheiro espiritual; protetor astral; auxiliar invisível; guardião astral; guia espiritual; benfeitor espiritual.
** Corpo espiritual - Cristianismo - Cor. I, cap. 15, vers. 44.
Sinonímias: Corpo astral - do latim, astrum - estrelado - expressão usada pelo grande iniciado alquimista Paracelso, no séc. 16, na Europa, e por diversos ocultistas e teosofistas posteriormente. 
Perispírito - Espiritismo - Allan Kardec, séc. 19, na França. 
Corpo de luz - Ocultismo. 
Psicossoma - do grego, psique - alma; e soma, corpo. Significa literalmente "corpo da alma" - Expressão usada inicialmente pelo espírito André Luiz nas obras psicografadas por Francisco Cândido Xavier e por Waldo Vieira, nas décadas de 1950-1960, que atualmente é mais usada pelos estudantes de Projeciologia.
*** O Todo - expressão hermética para designar o Poder Absoluto que está em tudo. O Supremo, O Grande Arquiteto Do Universo, Deus, O Amor Maior Que Gera a Vida. Na verdade, O Supremo não é homem ou mulher, mas pura consciência além de toda forma. Por isso, tanto faz chamá-lo de Pai Celestial ou de Mãe Divina. Ele é Pai-Mãe de todos.

Para ver vídeos e ouvir áudios do Wagner Borges, acesse:
Canal Sol do Everest - www.youtube.com/soldoeverest 

Acesse o site do I.P.P.B (Instituto de Pesquisas Projeciológicas e Bioenergéticas): www.ippb.org.br

Postagens mais visitadas deste blog

Brian Weiss - Sobre Almas Gêmeas.

Em "SÓ O AMOR É REAL", Brian Weiss revela que cada um de nós possui alguém que nos acompanha pela eternidade. Alguém que já tivemos a felicidade de encontrar ou que está à nossa procura, porque fomos destinados, para sempre, um ao outro.

Não há coincidências no amor. "A alma do homem é como a água; vem do céu, e sobe para o céu, para depois voltar à Terra, em eterno ir e vir". O destino determina o encontro de almas gêmeas. Sem dúvida, estamos fadados a encontrá-las. Mas o que decidimos fazer depois desse encontro depende de opção ou de livre arbítrio. Uma opção errada ou uma oportunidade perdida pode resultar em incrível solidão e sofrimento. Escolhas certas e oportunidades realizadas podem trazer-nos profunda satisfação e felicidade.

Para cada um de nós, existe alguma pessoa especial. Muitas vezes existem duas, três ou mesmo quatro. Todas vêm de gerações diferentes. Atravessam oceanos de tempo e profundidades celestiais para estarem conosco novamente. Vêm do outr…

Jefferson L. Orlando: A mudança acontece de dentro para fora...

A tão esperada virada do jogo começa dentro de nós, para só assim então, colocarmos ela em prática para fora em nossas atitudes e ações.
Não existe mudança verdadeira, quando a atitude parte somente de fora.
Não se engane querendo mostrar atitudes externas que não condizem com as internas, quando o silêncio da noite chegar e no seu íntimo você acessar, no mesmo momento irá saber que tem algo ai dentro que não mudou.
Para mudar é preciso coragem, determinação, foco, objetivo, garra e principalmente a tão esperada mudança nos padrões de pensamentos.
Se acostumar com os pensamentos a que vem tendo desde criança até hoje é fácil, não precisar mudar nada e chega a ser cômodo. Sair da zona de conforto às vezes é crucial, mas quase ninguém quer sair do conforto de não precisar colocar as mãos na massa da transformação.
A zona de conforto, não é necessariamente uma área em que a pessoa esteja vivendo uma vida ótima, com um excelente emprego, uma família equilibrada, um feliz relacionamento amoroso…

Machado de Assis - Eterno parênteses em aberto...

"Você é aquilo que ninguém vê. Uma coleção de histórias, estórias, memórias, dores, delícias, pecados, bondades, tragédias e sucessos, sentimentos e pensamentos. 

Se definir é se limitar. 

Você é um eterno parênteses em aberto, enquanto sua eternidade durar." 

Machado de Assis

Site:www.soldoeverest.com.br
Site no Somos Todos Um: www.stum.com.br/st13651
Canal Sol do Everest: www.youtube.com/soldoeverest