Pular para o conteúdo principal

Wagner Borges - Viagem Espiritual Xamânica.


- Aprendendo a lição do relâmpago:

Observe o relâmpago rasgando o véu da escuridão. Faça o mesmo!

Rasgue a treva de seus medos. Projete raios intensos sobre a sua própria escuridão e afaste os medos e dúvidas de sua mente e de seu coração.
O ensinamento do relâmpago é sobre o PODER DA LUZ.
O seu símbolo é o OLHO ABERTO.
O seu presente é a visão espiritual.
Aprenda a olhar.
A morada do relâmpago é no centro da cabeça.

- Aprendendo a lição do trovão:

Escute o som do trovão ribombando na atmosfera. Sua manifestação sonora é poderosa. Sinta esse poder no centro de seu umbigo.

Escute o trovão com toda sua alma!
O ensinamento do trovão é sobre o PODER DO SOM.
A natureza invisível fala. Aprenda a ouvir.
A morada do trovão é na barriga.

- Aprendendo a lição da chuva:

A missão da chuva é limpar a atmosfera e molhar a terra.
A sua lição é simples: fluidez
O ressecamento endurece a terra e dificulta a vida dos vegetais. A chuva fluidifica o solo e equilibra as condições para o reino vegetal desenvolver-se plenamente.

Medite na renovação propiciada na natureza pela chuva. Renove-se também!

Nada de rigidez, fluidifique as suas emoções. Esqueça as tristezas, limpe as mágoas e desenvolva-se plenamente.
A morada da chuva é o baixo ventre.

- Aprendendo a lição do vento:

O vento sopra por onde quer. A sua natureza é a liberdade de acessar os espaços livres.

Pense que o seu espírito é livre como o vento. Medite nisso quando deitar para o descanso diário. **
Seja uma flauta espiritual. Quando o sopro sutil viajar pelo seu interior, toque a música. Voe com ela!

O ensinamento do vento é sobre O PODER DO MOVIMENTO.

A morada do vento é na garganta.

- Aprendendo a lição da terra:

A terra é alimentação, sustentação e firmeza. Ela é a mãe do seu corpo de carne e dona de seus ossos. Por isso, agradeça a ela por estar sustentando a sua viagem carnal.
Ela entra pelos seus pés!
E acaricia o seu corpo com o calor vital planetário.
Medite nisso.

O seu ensinamento é sobre o VALOR DA VIDA.
A morada da terra é na base da coluna.

- Aprendendo a lição xamânica:

Escute a mensagem do povo invisível: Primeiro, cure a si mesmo, de dentro para fora. Depois, expanda a sua luz e compartilhe a sua felicidade com todos os seres da natureza.
O xamã é guiado pelo povo invisível. Suas canções são as mesmas deles. Por isso eles permitem as suas viagens xamânicas pelos reinos invisíveis.

O ensinamento xamânico é sobre o respeito a natureza e a REVERÊNCIA AO PAI PRIMEIRO.
A morada do Pai Primeiro é em todo lugar!
Medite nisso.

- Aprendendo a lição principal:

Medite na Luz do Pai Primeiro, o seu primeiro Amor.
O Grande Espírito é todo Amor.
Você e tudo o que existe são a expressão desse Amor.
A morada do Amor é o coração espiritual.
Desse centro ele irradia para todo o corpo e espalha a vitalidade.

Medite nisso.

Sinta o Amor e perdoe a todos aqueles que não o compreendem.
Medite no perdão.
Pense no raio que ilumina as suas trevas, no trovão que chama, na chuva que limpa as suas mágoas, no vento que convida ao voo do espírito, na terra que o convida para a vida e no Amor que é a essência divina em tudo.

Compreenda: O paraíso é dentro de você mesmo. Sinta-se feliz de saber isso.

Perdoe a si mesmo e aos outros. Descarregue o peso das mágoas. Renove-se!
Sente-se embaixo de uma árvore frondosa e respire a seiva vital. Permita-se a uma união com ela. Deixe-a curar as suas feridas internas. Agradeça ao povo invisível das árvores, torne-se amigo deles. Abrace a árvore e agradeça.

Torne-se amigo do sol e da lua, do céu e da terra, dance com a vida e alegre-se com ela. Jamais esqueça de que o povo invisível acompanha a todos os seus passos. Agradeça a eles pela proteção sutil e pela paciência de
trabalharem sem nenhuma busca de reconhecimento ou recompensa do mundo dos homens.

Agradeça ao Pai Primeiro e à Mãe-Natureza.

O ensinamento principal é esse: ame, agradeça, cure a si mesmo e aos outros, perdoe e alegre-se. Viva contente de saber essas verdades do espírito.
Pratique-as!
O Grande Espírito está em seu sorriso.
Medite nisso e viaje feliz.

Paz e Luz.

Wagner Borges*


Wagner Borges – nascido no Rio de Janeiro em setembro de 1961 – é pesquisador espiritualista, projetor extrafísico, conferencista, consultor da Revista UFO e colaborador de várias outras revistas como, Sexto Sentido, Espiritismo e Ciência, Revista Cristã de Espiritismo, Caminho Espiritual, e também do Jornal O Legado.
É escritor - autor de onze livros dentro da temática projetiva e espiritual, dentre eles a série “Viagem Espiritual”, sobre as experiências fora do corpo.
É colunista de vários sites na Internet: SomosTodosUm -www.somostodosum.com.br, Revista Sexto Sentido:www.revistasextosentido.net/wagner-borges/, IPPB:www.ippb.org.br, dentre outros.
É radialista – apresentador do programa “Viagem Espiritual”, na Rádio Mundial de São Paulo – 95.7 FM.


Para ver vídeos e ouvir áudios do Wagner Borges, acesse sua sessão em nosso Exclusivo Canal Sol do Everest no Youtube - www.youtube.com/playlist?list=PLFC3C6B292A9EE691 

Site: www.soldoeverest.com.br

Somos Todos Um: www.stum.com.br/st13651
Canal Sol do Everest: www.youtube.com/soldoeverest 

Postagens mais visitadas deste blog

Brian Weiss - Sobre Almas Gêmeas.

Em "SÓ O AMOR É REAL", Brian Weiss revela que cada um de nós possui alguém que nos acompanha pela eternidade. Alguém que já tivemos a felicidade de encontrar ou que está à nossa procura, porque fomos destinados, para sempre, um ao outro.

Não há coincidências no amor. "A alma do homem é como a água; vem do céu, e sobe para o céu, para depois voltar à Terra, em eterno ir e vir". O destino determina o encontro de almas gêmeas. Sem dúvida, estamos fadados a encontrá-las. Mas o que decidimos fazer depois desse encontro depende de opção ou de livre arbítrio. Uma opção errada ou uma oportunidade perdida pode resultar em incrível solidão e sofrimento. Escolhas certas e oportunidades realizadas podem trazer-nos profunda satisfação e felicidade.

Para cada um de nós, existe alguma pessoa especial. Muitas vezes existem duas, três ou mesmo quatro. Todas vêm de gerações diferentes. Atravessam oceanos de tempo e profundidades celestiais para estarem conosco novamente. Vêm do outr…

Jefferson L. Orlando: A mudança acontece de dentro para fora...

A tão esperada virada do jogo começa dentro de nós, para só assim então, colocarmos ela em prática para fora em nossas atitudes e ações.
Não existe mudança verdadeira, quando a atitude parte somente de fora.
Não se engane querendo mostrar atitudes externas que não condizem com as internas, quando o silêncio da noite chegar e no seu íntimo você acessar, no mesmo momento irá saber que tem algo ai dentro que não mudou.
Para mudar é preciso coragem, determinação, foco, objetivo, garra e principalmente a tão esperada mudança nos padrões de pensamentos.
Se acostumar com os pensamentos a que vem tendo desde criança até hoje é fácil, não precisar mudar nada e chega a ser cômodo. Sair da zona de conforto às vezes é crucial, mas quase ninguém quer sair do conforto de não precisar colocar as mãos na massa da transformação.
A zona de conforto, não é necessariamente uma área em que a pessoa esteja vivendo uma vida ótima, com um excelente emprego, uma família equilibrada, um feliz relacionamento amoroso…

Bruno J. Ginemes - Aprenda a abrir o seu fluxo de bênçãos.

Neste momento em que você lê este texto você pode estar passando por umas das seguintes fases : a)Está com problemas, em um período de sofrimento ou conflitos; b)Está com crie de identidade, sem entender bem o seu propósito na vida, sem saber que rumo seguir; c)Está em um período de extrema acomodação, procrastinando as atitudes que podem lhe levar para um novo patamar, além disso é possível que esteja se autoboicotando para não dar novos passos em busca de metas diferentes. Mesmo que a sua vida corra bem, ainda sim, sabe que poderia estar fazendo mais por você e pelo mundo; d)Está em depressão, sem forças para lutar, sem energia para criar ou sem vontade de viver; e)Está com raiva das situações que anda acontecendo contigo, sentindo revolta e percebendo o mundo com o entendimento de que alguma coisa errada está acontecendo com você; f)Sentindo que tudo é injusto, que as oportunidades não vem, que as pessoas não são legais com você, que o amor verdadeiro é uma ilusão dos filmes e que parece…