Pular para o conteúdo principal

Wagner Borges - Falando de simulacros afetivos e enganações do ego...


(Carta Para Alguém Enroscado em Mais Uma Relação Fajuta)

Olá, amigos.
         Recebi ainda agora esses escritos de dois espíritos da Companhia do Amor.
         Eles apareceram aqui em casa e me passaram espiritualmente a mensagem abaixo. E, de outros planos, vários companheiros deles acompanhavam o lance todo.
         Trata-se de um recado direto para uma pessoa que está triste por causa do fim de um relacionamento. E, como sempre, eles falam “sem dourar a pílula”. E é isso que gosto bastante neles: são leais e sinceros, sem enrolação ou perfumarias místicas.
         E eles entendem tudo de relacionamentos afetivos, são craques no assunto.
         Ah, eu já aprendi muita coisa com eles...
         (E me sinto muito honrado de captar aqui embaixo os toques conscienciais deles, que sempre falam de um Poder Superior, o Papai do Céu, que eles tanto amam e admiram).
         Então, aí vai mais um texto quentinho, que faz pensar...

         Um abraço a todos.
         - Wagner, seu colega de evolução, 52 anos de “encadernação”, e mais espiritualista que nunca!

Amigo, não liga para essa situação, não.
É só gangorra do seu coração, que adora se agarrar em emoções estranhas.
Você já passou por isso tantas vezes...
E, francamente, porque você ainda não aprendeu a lidar bem com isso?
O resultado é que você fica macambúzio e cheio de remoques.
E de que isso lhe adianta?... Por acaso, melhora sua consciência?
O tempo está passando, para todos. E quem não se resolve, arrasta correntes.
E, depois da morte, o peso segue com a pessoa, dentro dela mesma, para o Astral.
E no seu caso, você sabe das coisas espirituais – e das repercussões posteriores.
Então, porque não usa o que sabe para vencer suas emoções densas?
Você, enganado pelo seu ego danadinho, pensa que está machucado.
No entanto, se o caso se revelou uma ilusão, não era real, era simulacro de amor.
Sim, isso existe: arremedo de amor. Parece amor, mas é fantasia braba!
Aliás, o mundo está cheio disso: paixonites agudas seguidas de quedas drásticas.
E você sabe disso! E sempre se enrola com pessoas imaturas e mal resolvidas.
E depois fica se lamentando, como se fosse vítima do Carma*.
Pára com isso! Não se trata de Carma, não. É tolice sua – e repetência emocional.
Dê um basta nessa sua mania insidiosa de ficar se lamuriando pelos cantos...
Isso só lhe faz mal e nada resolve. E deixa a sua energia bem sujinha.
Portanto, aproveite esse recado de quem lhe quer bem – e saia dessa fossa!
Pensa no Alto, lembra? Sinta o Amor Real, que sabe quem você é, em essência.
A Luz Maior não ofusca – e os sentimentos verdadeiros não trazem degradação.
Escute aquela música das esferas, que você tanto aprecia. E não dê mais mole!
Chega de lamúrias e manhas, né? É hora de recuperar o bom senso e trabalhar.
E você precisa realizar tanto... Então, não perca tempo com tranqueiras do ego.
Se realize, amigo, pois o tempo está passando, e é bom não carregar correntes.
E agradeça e valorize os seus amigos reais, físicos e extrafísicos, pela claridade.
E vê se não se ilude mais com essas tranqueirinhas que só lhe causam dissabores.
Saia da fossa do seu ego e venha para cima, para a Luz que não ofusca.
Aqui, por meio desses escritos estamos lhe dando a mão que você pediu.
Vê se aproveita e não derrape novamente nisso. Bola para frente...
(Amor não é tontice. E coração não é lugar de dramas. Se toca, né?)**

P.S.:
Paixonite? Não, de jeito nenhum!
Amor Real? Sim, sempre...
Simulacro afetivo? Nunca mais!
Consciência e espiritualidade? Sim, é isso aí!

(Agradecemos ao Papai do Céu, por todas as oportunidades.
E vamos nessa, porque é bom à beça!
Sem mais, só Amor e Luz).

- Companhia do Amor*** -
A Turma dos Poetas em Flor.
(Recebido espiritualmente por Wagner Borges* – São Paulo, 05 de novembro de 2013.)

- Nota de Wagner Borges: Os dois espíritos da Companhia do Amor que me passaram esses escritos não me disseram para quem os mesmos são destinados. Só me pediram para escrever e confiar que o Alto faria a mensagem chegar a quem de direito.
E eu fiquei pensando: “pelo conteúdo dessa missiva, acho que serve para qualquer pessoa - incluindo a mim mesmo.”
Então vou postar esses escritos em aberto e deixar que o Alto os leve por esse mundão de Deus, até que o seu propósito espiritual seja cumprido...
Paz e Luz.

- Notas do Texto:
* Carma - do sânscrito “Karma” - ação; causa – é a lei universal de causa e efeito - Tudo aquilo que pensamos, sentimos e fazemos são movimentações vibracionais nos planos mental, astral e físico, gerando causas que inexoravelmente apresentam seus efeitos correspondentes no universo interdimensional. Logo, obviamente não há efeito sem causa, e os efeitos procuram naturalmente as suas causas correspondentes. A isso os antigos hindus chamaram de carma.
** Ver o texto “Pequeno Recado do Coração”, postado no site do IPPB, no seguinte endereço específico: http://www.ippb.org.br/index.php?option=com_content&view=article&id=177:pequeno-recado-do-coracao&catid=78:cia-do-amor&Itemid=109 
*** A Companhia do Amor é um grupo de cronistas, poetas e escritores brasileiros desencarnados que me passam textos e mensagens espirituais há vários anos. Em sua grande maioria, são poetas e muito bem humorados. Segundo eles, os seus escritos são para mostrar que os espíritos não são nuvenzinhas ou luzinhas piscando em um plano espiritual inefável. Eles querem mostrar que continuam sendo pessoas comuns, apenas vivendo em outros planos, sem carregar o corpo denso. Querem que as pessoas encarnadas saibam que não existe apenas vida após a morte, mas, também, muita alegria e amor. Os seus textos são simples e diretos, buscando o coração do leitor.
Para mais detalhes sobre o trabalho dessa turma maravilhosa, ver os livros "Companhia do Amor - A Turma dos Poetas em Flor – Volumes 1 e 2" - Edição independente - Wagner Borges -, e sua coluna no site do IPPB (que é uma das seções mais visitadas no site):   http://www.ippb.org.br/index.php?option=com_content&view=category&id=78:cia-do-amor&Itemid=109&layout=default 

Obs.: Deixo na sequência mais um texto fantástico desse grupo de espíritos tão legais e verdadeiros, extraído do primeiro volume do livro que publiquei contendo suas mensagens e crônicas. (Clique aqui para ler: http://bit.ly/18Wh7ne )

☼ Wagner Borges – nascido no Rio de Janeiro em setembro de 1961 – é pesquisador espiritualista, projetor extrafísico, conferencista, consultor da Revista UFO e colaborador de várias outras revistas como, Sexto Sentido, Espiritismo e Ciência, Revista Cristã de Espiritismo, Caminho Espiritual, e também do Jornal O Legado.
É escritor - autor de onze livros dentro da temática projetiva e espiritual, dentre eles a série “Viagem Espiritual”, sobre as experiências fora do corpo.
É colunista de vários sites na Internet: SomosTodosUm , Revista Sexto Sentido, Revista Caminho Espiritual, Revista Cristã de Espiritismo, site IPPB: www.ippb.org.br, dentre outros.
É radialista – apresentador do programa “Viagem Espiritual”, na Rádio Mundial de São Paulo – 95.7 FM.

Para ver vídeos e ouvir áudios do Wagner Borges, acesse sua sessão em nosso Exclusivo Canal Sol do Everest no Youtube - www.youtube.com/playlist?list=PLFC3C6B292A9EE691
Site no Portal Somos Todos Um: www.stum.com.br/st13651
Canal Sol do Everest: www.youtube.com/soldoeverest  

Postagens mais visitadas deste blog

Brian Weiss - Sobre Almas Gêmeas.

Em "SÓ O AMOR É REAL", Brian Weiss revela que cada um de nós possui alguém que nos acompanha pela eternidade. Alguém que já tivemos a felicidade de encontrar ou que está à nossa procura, porque fomos destinados, para sempre, um ao outro.

Não há coincidências no amor. "A alma do homem é como a água; vem do céu, e sobe para o céu, para depois voltar à Terra, em eterno ir e vir". O destino determina o encontro de almas gêmeas. Sem dúvida, estamos fadados a encontrá-las. Mas o que decidimos fazer depois desse encontro depende de opção ou de livre arbítrio. Uma opção errada ou uma oportunidade perdida pode resultar em incrível solidão e sofrimento. Escolhas certas e oportunidades realizadas podem trazer-nos profunda satisfação e felicidade.

Para cada um de nós, existe alguma pessoa especial. Muitas vezes existem duas, três ou mesmo quatro. Todas vêm de gerações diferentes. Atravessam oceanos de tempo e profundidades celestiais para estarem conosco novamente. Vêm do outr…

Jefferson L. Orlando: A mudança acontece de dentro para fora...

A tão esperada virada do jogo começa dentro de nós, para só assim então, colocarmos ela em prática para fora em nossas atitudes e ações.
Não existe mudança verdadeira, quando a atitude parte somente de fora.
Não se engane querendo mostrar atitudes externas que não condizem com as internas, quando o silêncio da noite chegar e no seu íntimo você acessar, no mesmo momento irá saber que tem algo ai dentro que não mudou.
Para mudar é preciso coragem, determinação, foco, objetivo, garra e principalmente a tão esperada mudança nos padrões de pensamentos.
Se acostumar com os pensamentos a que vem tendo desde criança até hoje é fácil, não precisar mudar nada e chega a ser cômodo. Sair da zona de conforto às vezes é crucial, mas quase ninguém quer sair do conforto de não precisar colocar as mãos na massa da transformação.
A zona de conforto, não é necessariamente uma área em que a pessoa esteja vivendo uma vida ótima, com um excelente emprego, uma família equilibrada, um feliz relacionamento amoroso…

Machado de Assis - Eterno parênteses em aberto...

"Você é aquilo que ninguém vê. Uma coleção de histórias, estórias, memórias, dores, delícias, pecados, bondades, tragédias e sucessos, sentimentos e pensamentos. 

Se definir é se limitar. 

Você é um eterno parênteses em aberto, enquanto sua eternidade durar." 

Machado de Assis

Site:www.soldoeverest.com.br
Site no Somos Todos Um: www.stum.com.br/st13651
Canal Sol do Everest: www.youtube.com/soldoeverest