Pular para o conteúdo principal

Jefferson L. Orlando - Inquilinos Indesejáveis.


Segundo a Astronomia, Cosmologia e Astrofísica o Planeta Terra tem aproximadamente quatro bilhões e quinhentos milhões de anos de existência e o mesmo está inserido na galáxia chamada de Via Láctea com aproximadamente treze bilhões e duzentos milhões de anos.

O ser humano não tem Ideia real (dimensão) que seja todo esse tempo. Mesmo com essa quantidade de tempo monstruoso, tudo que é matéria tem tempo para deixar de existir e se transformar novamente em matéria, assim como, a natureza, nada deixa de existir, tudo se transforma.

Agora, quem foi que disse que o planeta terra é nosso?

Este planeta é nossa casa provisória, ou seja, emprestado, nos recebe de braços abertos como uma grande mãe que acolhe e provem todo o sustento necessário para seus filhos crescerem, desenvolverem e seguirem suas vidas evoluindo sempre.

Será que estamos sendo dignos de merecimento?

Com certeza sim, pois ao contrário não estaríamos aqui e agora, assim como todas as outras formas de vidas que existem neste planeta. Ainda a natureza entende que nós (seres humanos) estamos desenvolvendo um papel importante para ela (por incrível que pareça), quando isso não for mais necessário, nós novamente seremos “convidados a se retirar”, assim como já aconteceu, acontecerá e outras eras assim virão. O ciclo da vida.

É assim que acontece a milhões e milhões de anos neste planeta e outros trilhões de planetas no “multiverso” que é infinito.

A maior força existente neste planeta chamado de Terra é a Natureza. Ela dita como as coisas devem acontecer ou como elas acontecerão. O ser humano avança intelectualmente e em sua tecnologia à custa da natureza, interfere no ciclo natural das coisas, mas o que não é sensato é destruir a própria casa em que vive a qualquer custo.

Tudo na natureza é baseado no equilíbrio, o ser humano pode não entender tudo que ocorre nesta magnífica fórmula divina, mas é como as coisas funcionam. Enquanto é possível manter o equilíbrio da natureza e o homem, então assim será, porém quando este equilíbrio se romper (por nossa causa) a maior força deste planeta irá colocar todos os pingos nos “is”, ou seja, vai botar a casa em ordem novamente. É necessário o equilíbrio para que haja uma harmonia entre todos os seres vivos que aqui residem.

A raça humana neste planeta como conhecemos tem alguns poucos milhares de anos, mesmo considerando a “Era de Atlântida”. Por exemplo, a espécie de ser vivo, o tubarão tem mais de trezentos milhões de anos, o crocodilo tem mais de oitenta milhões de anos, a tartaruga tem mais de duzentos milhões de anos, a baleia tem mais de quarenta milhões anos de existência e eu poderia ficar aqui escrevendo por uma vida inteira e não conseguiria catalogar todas as espécies que existem no planeta terra. A grande parte dos seres vivos que estão dividindo esta casa conosco são mais “donos” deste lugar do que os seres vivos “humanos”. Eles estavam aqui a milhões de anos antes de nossa chegada... O respeito e humildade da raça humana para com a nossa casa “provisória” e para como os nossos outros seres vivos em jornada de evolução é pífio. Falta muito para todos nós aprendermos esta lição...

Estamos em desenvolvimento, mas tem certas coisas que precisamos verdadeiramente querer enxergar. De forma geral nossa raça humana acha que sabe tudo, mas na realidade essa nossa raça precisa aprender muito...

Eu estou como humano em mais esta encarnação, mas tenho plena consciência que não sou humano, sou espírito, porém com traços humanos profundos, cheio de defeitos e qualidades.

O desafio é sair do padrão de escassez e despertar para a abundância não somente na área da espiritualidade (que é o principal), mas também para a materialidade com o devido respeito e zelo que devemos a nossa maior provedora, a Mãe Terra.

Faça sua parte, mesmo que seja mínima! O mundo não irá mudar de uma hora para outra, assim como mostra toda a história deste planeta, mais você pode fazer a diferença...

Não espere acontecer, faça, seja um filho que respeita, valorize essa vida e principalmente ama a mãe que deu a oportunidade para você escrever sua história de agora.

Amor
Determinação
Confiança

Jefferson L. Orlando


Site no Portal Somos Todos Um: www.stum.com.br/st13651
Canal Sol do Everest: 
www.youtube.com/soldoeverest

Postagens mais visitadas deste blog

Brian Weiss - Sobre Almas Gêmeas.

Em "SÓ O AMOR É REAL", Brian Weiss revela que cada um de nós possui alguém que nos acompanha pela eternidade. Alguém que já tivemos a felicidade de encontrar ou que está à nossa procura, porque fomos destinados, para sempre, um ao outro.

Não há coincidências no amor. "A alma do homem é como a água; vem do céu, e sobe para o céu, para depois voltar à Terra, em eterno ir e vir". O destino determina o encontro de almas gêmeas. Sem dúvida, estamos fadados a encontrá-las. Mas o que decidimos fazer depois desse encontro depende de opção ou de livre arbítrio. Uma opção errada ou uma oportunidade perdida pode resultar em incrível solidão e sofrimento. Escolhas certas e oportunidades realizadas podem trazer-nos profunda satisfação e felicidade.

Para cada um de nós, existe alguma pessoa especial. Muitas vezes existem duas, três ou mesmo quatro. Todas vêm de gerações diferentes. Atravessam oceanos de tempo e profundidades celestiais para estarem conosco novamente. Vêm do outr…

Jefferson L. Orlando: A mudança acontece de dentro para fora...

A tão esperada virada do jogo começa dentro de nós, para só assim então, colocarmos ela em prática para fora em nossas atitudes e ações.
Não existe mudança verdadeira, quando a atitude parte somente de fora.
Não se engane querendo mostrar atitudes externas que não condizem com as internas, quando o silêncio da noite chegar e no seu íntimo você acessar, no mesmo momento irá saber que tem algo ai dentro que não mudou.
Para mudar é preciso coragem, determinação, foco, objetivo, garra e principalmente a tão esperada mudança nos padrões de pensamentos.
Se acostumar com os pensamentos a que vem tendo desde criança até hoje é fácil, não precisar mudar nada e chega a ser cômodo. Sair da zona de conforto às vezes é crucial, mas quase ninguém quer sair do conforto de não precisar colocar as mãos na massa da transformação.
A zona de conforto, não é necessariamente uma área em que a pessoa esteja vivendo uma vida ótima, com um excelente emprego, uma família equilibrada, um feliz relacionamento amoroso…

Machado de Assis - Eterno parênteses em aberto...

"Você é aquilo que ninguém vê. Uma coleção de histórias, estórias, memórias, dores, delícias, pecados, bondades, tragédias e sucessos, sentimentos e pensamentos. 

Se definir é se limitar. 

Você é um eterno parênteses em aberto, enquanto sua eternidade durar." 

Machado de Assis

Site:www.soldoeverest.com.br
Site no Somos Todos Um: www.stum.com.br/st13651
Canal Sol do Everest: www.youtube.com/soldoeverest