Pular para o conteúdo principal

Wagner Borges - Há algo mais... Um amor. Uma luz. - XLII*


Nas terras do meu coração há uma canção secreta.

E eu sei que os anjos da aurora a escutam.

Eles vêm deslizando pelas trilhas coloridas do arco-íris – igual a crianças do Eterno -, felizes, nas ondas daqueles sentimentos celestes que só os seres de Luz é que conhecem.

Ah, eu olho e vejo a Luz beijando o alto das montanhas em linda comunhão silenciosa... E eu também vejo outros irmãos, vindos de outras esferas – na sintonia da mesma canção.

E eles riem comigo, e me dizem, em Espírito e Verdade, que, além das montanhas há outros que sentem as mesmas vibrações espirituais.

E eu seu disso, pois sonho com eles há muito tempo...

Em meu coração eu vejo o que os meus olhos físicos não veem: Algo mais... Um Amor. Uma Luz.

E eu sei que além, muito além, naquelas “Terras do Céu”, há outros olhando a Luz beijando o alto das montanhas. E eles também escutam a canção secreta em seus corações.

Ah, eles não morreram!

E os seus sentimentos atravessam as distâncias – e dizem muito aos que percebem algo mais, algures...

Eles falam que o Amor liga as consciências, mesmo por entre os planos, e que as montanhas, da Terra e do Céu, são irmãs, feitas na mesma forja estelar do Coração do Todo.

Sim, eles falam de outros sítios, além, pois na Casa das Estrelas há muitas moradas... E, por isso, sempre falam de imortalidade do espírito e vida perene.

E afirmam que tudo tem seu tempo, e que, no momento adequado, o véu da saudade e da dor será rompido pelos clarões do discernimento espiritual aliado aos bons atos praticados durante a existência terrestre.

Ah, as montanhas estão lindas, porque há algo mais beijando-as... Um Amor. Uma Luz.

E quem ama, sabe que há outras Terras no Céu – e outras montanhas, algures... Sim, quem ama, sabe.

Paz e Luz.

Wagner Borges – mestre de nada e discípulo de coisa alguma.
São Paulo, 07 de agosto de 2012.

- Nota:
* Esse texto fará parte de um novo livro sobre vida após a morte que publicarei daqui a alguns meses (com diversos textos alusivos à temática da imortalidade da consciência).


Para ver vídeos e ouvir áudios acesse a sessão do Wagner Borges em nosso Exclusivo Canal Sol do Everest no Youtube - www.youtube.com/playlist?list=PLFC3C6B292A9EE691 

Canal Sol do Everest: www.youtube.com/soldoeverest


Acesse o site do I.P.P.B (Instituto de Pesquisas Projeciológicas e Bioenergéticas): www.ippb.org.br

Postagens mais visitadas deste blog

Brian Weiss - Sobre Almas Gêmeas.

Em "SÓ O AMOR É REAL", Brian Weiss revela que cada um de nós possui alguém que nos acompanha pela eternidade. Alguém que já tivemos a felicidade de encontrar ou que está à nossa procura, porque fomos destinados, para sempre, um ao outro.

Não há coincidências no amor. "A alma do homem é como a água; vem do céu, e sobe para o céu, para depois voltar à Terra, em eterno ir e vir". O destino determina o encontro de almas gêmeas. Sem dúvida, estamos fadados a encontrá-las. Mas o que decidimos fazer depois desse encontro depende de opção ou de livre arbítrio. Uma opção errada ou uma oportunidade perdida pode resultar em incrível solidão e sofrimento. Escolhas certas e oportunidades realizadas podem trazer-nos profunda satisfação e felicidade.

Para cada um de nós, existe alguma pessoa especial. Muitas vezes existem duas, três ou mesmo quatro. Todas vêm de gerações diferentes. Atravessam oceanos de tempo e profundidades celestiais para estarem conosco novamente. Vêm do outr…

Jefferson L. Orlando: A mudança acontece de dentro para fora...

A tão esperada virada do jogo começa dentro de nós, para só assim então, colocarmos ela em prática para fora em nossas atitudes e ações.
Não existe mudança verdadeira, quando a atitude parte somente de fora.
Não se engane querendo mostrar atitudes externas que não condizem com as internas, quando o silêncio da noite chegar e no seu íntimo você acessar, no mesmo momento irá saber que tem algo ai dentro que não mudou.
Para mudar é preciso coragem, determinação, foco, objetivo, garra e principalmente a tão esperada mudança nos padrões de pensamentos.
Se acostumar com os pensamentos a que vem tendo desde criança até hoje é fácil, não precisar mudar nada e chega a ser cômodo. Sair da zona de conforto às vezes é crucial, mas quase ninguém quer sair do conforto de não precisar colocar as mãos na massa da transformação.
A zona de conforto, não é necessariamente uma área em que a pessoa esteja vivendo uma vida ótima, com um excelente emprego, uma família equilibrada, um feliz relacionamento amoroso…

Machado de Assis - Eterno parênteses em aberto...

"Você é aquilo que ninguém vê. Uma coleção de histórias, estórias, memórias, dores, delícias, pecados, bondades, tragédias e sucessos, sentimentos e pensamentos. 

Se definir é se limitar. 

Você é um eterno parênteses em aberto, enquanto sua eternidade durar." 

Machado de Assis

Site:www.soldoeverest.com.br
Site no Somos Todos Um: www.stum.com.br/st13651
Canal Sol do Everest: www.youtube.com/soldoeverest