Pular para o conteúdo principal

Wagner Borges: Amor no coração - Aurora no Olhar... II


(Transbordando de Luz na Senda...)

Você sabe: o Amor é um estado de consciência.
É como a primavera: faz bem a todos.
Por isso, as Almas Livres** sempre ensinaram sobre o caminho do coração - e não o caminho da cabeça.
Porque Elas sabiam que não há como a mente - e seus esquemas ilusórios -, compreender a profundidade do Amor.
Aquilo que se sente, em Espírito e Verdade, é muito maior do que as explicações ventiladas pelo ego de quem tenta compactar sentimentos em noções estratificadas mentalmente.
É como uma linda canção: toca o seu coração, de formas admiráveis e misteriosas.
Ah, o Amor que se explica não é sentimento real - não mesmo... É apenas jogo emocional do ego.
Aliás, só o Amor compreende o Amor - assim como, só se aprende a viver, vivendo... E não há uma cartilha para isso.
Quando o coração escuta a canção certa, tudo muda - a sintonia espiritual acontece... E isso não tem tempo ou lugar, simplesmente é!
Quando o coração sente outro coração, respira junto, mesmo à distância.
É simples assim: é sintonia, de alma para alma.
E quem pode explicar isso só com a mente e suas ilações teóricas sobre o sentir?
Não, não há como alguém escrever um tratado teórico de como lidar com os sentimentos... Porque o coração lê diretamente, na linguagem prática da alma, o que se passa em outro coração.
É por isso que quem ama tem dificuldade em esconder o que sente... Porque o seu coração transborda de Luz, e isso é claramente percebido por outro coração na mesma sintonia, mesmo à distância.
Ah, essa é a coisa mais poderosa de todas! E também é a mais perigosa para o ego, porque suscita grandes transformações no Ser, pois, na presença do Amor, tudo muda.
Agora você sabe: isso não se explica, só se sente...
É como a linda canção: faz você viajar nas ondas de sentimentos maravilhosos e misteriosos.
Por isso, as Almas Livres inspiraram espiritualmente ao sábio Shankara um de seus grandes ensinamentos, que diz:
"Há uma Luz que brilha mais do que bilhões de sóis juntos.
É a essência da alma.
Essa é a Luz que mora no coração."
Então, pegando uma carona nesse ensinamento, eu lhe digo:
"Tenha coragem de assumir a Luz do Amor em seu coração... Aceite-a!"
Ah, isso não se explica, só se sente...

P.S.:
Às vezes, me perguntam se estou apaixonado por alguém, e se escrevo por causa disso. Na verdade, há muitos anos que o meu chacra cardíaco está aberto e cheio de Luz.
Por isso, sinto um Grande Amor passando pelo meu pequeno coração - e também uma alegria natural. Então, deixo o meu coração escrever através de mim.
E sei que isso não se explica, só se sente... Mas sei, também, que, quem ama, de alguma maneira, de alma para alma, compreende.
Bom, finalizo esses escritos com outro ensinamento extraído da Sabedoria Perene: "Quando o coração fala ao coração, não há mais nada a dizer."

(Dedicado a todos aqueles que amam realmente - e que têm a coragem de vencer a si mesmos -, e aos que transbordam seus corações de Luz, só porque escutam uma linda canção.)

Paz e Luz.

- Wagner Borges - mestre de nada e discípulo de coisa alguma, mais uma vez, transbordando... Florianópolis, 26 de abril de 2012.

Para ver vídeos e ouvir áudios do Wagner Borges, acesse o Canal Sol do Everest no link:www.youtube.com/soldoeverest 

Para acessar o site do I.P.P.B (Instituto de Pesquisas Projeciológicas e Bioenergéticas): http://ippb.org.br/ 

Postagens mais visitadas deste blog

Brian Weiss - Sobre Almas Gêmeas.

Em "SÓ O AMOR É REAL", Brian Weiss revela que cada um de nós possui alguém que nos acompanha pela eternidade. Alguém que já tivemos a felicidade de encontrar ou que está à nossa procura, porque fomos destinados, para sempre, um ao outro.

Não há coincidências no amor. "A alma do homem é como a água; vem do céu, e sobe para o céu, para depois voltar à Terra, em eterno ir e vir". O destino determina o encontro de almas gêmeas. Sem dúvida, estamos fadados a encontrá-las. Mas o que decidimos fazer depois desse encontro depende de opção ou de livre arbítrio. Uma opção errada ou uma oportunidade perdida pode resultar em incrível solidão e sofrimento. Escolhas certas e oportunidades realizadas podem trazer-nos profunda satisfação e felicidade.

Para cada um de nós, existe alguma pessoa especial. Muitas vezes existem duas, três ou mesmo quatro. Todas vêm de gerações diferentes. Atravessam oceanos de tempo e profundidades celestiais para estarem conosco novamente. Vêm do outr…

Jefferson L. Orlando: A mudança acontece de dentro para fora...

A tão esperada virada do jogo começa dentro de nós, para só assim então, colocarmos ela em prática para fora em nossas atitudes e ações.
Não existe mudança verdadeira, quando a atitude parte somente de fora.
Não se engane querendo mostrar atitudes externas que não condizem com as internas, quando o silêncio da noite chegar e no seu íntimo você acessar, no mesmo momento irá saber que tem algo ai dentro que não mudou.
Para mudar é preciso coragem, determinação, foco, objetivo, garra e principalmente a tão esperada mudança nos padrões de pensamentos.
Se acostumar com os pensamentos a que vem tendo desde criança até hoje é fácil, não precisar mudar nada e chega a ser cômodo. Sair da zona de conforto às vezes é crucial, mas quase ninguém quer sair do conforto de não precisar colocar as mãos na massa da transformação.
A zona de conforto, não é necessariamente uma área em que a pessoa esteja vivendo uma vida ótima, com um excelente emprego, uma família equilibrada, um feliz relacionamento amoroso…

Bruno J. Ginemes - Aprenda a abrir o seu fluxo de bênçãos.

Neste momento em que você lê este texto você pode estar passando por umas das seguintes fases : a)Está com problemas, em um período de sofrimento ou conflitos; b)Está com crie de identidade, sem entender bem o seu propósito na vida, sem saber que rumo seguir; c)Está em um período de extrema acomodação, procrastinando as atitudes que podem lhe levar para um novo patamar, além disso é possível que esteja se autoboicotando para não dar novos passos em busca de metas diferentes. Mesmo que a sua vida corra bem, ainda sim, sabe que poderia estar fazendo mais por você e pelo mundo; d)Está em depressão, sem forças para lutar, sem energia para criar ou sem vontade de viver; e)Está com raiva das situações que anda acontecendo contigo, sentindo revolta e percebendo o mundo com o entendimento de que alguma coisa errada está acontecendo com você; f)Sentindo que tudo é injusto, que as oportunidades não vem, que as pessoas não são legais com você, que o amor verdadeiro é uma ilusão dos filmes e que parece…